ENCERRAMENTO DA ITINERÂNCIA DO FESTCINEAMAZÔNIA

ENCERRAMENTO DA ITINERÂNCIA DO FESTCINEAMAZÔNIA

Chegou ao fim a itinerância do quarto Festcineamazonia, em Nova Califórnia, último distrito do município de Porto Velho em direção ao Acre. Após oito dias de estrada e sete apresentações, a população da última sessão recebeu com alegria as apresentações do festival.

Na quadra da escola municipal Maria Jacira Feitosa de Carvalho havia pessoas de todas as idades, mas principalmente crianças e adolescentes. Bebês, como Breno, 1 ano, Lavaene, 2 meses, a Antonio Saturnino Silva, 64 anos, antigo soldado da borracha, ou Odacir Barros, 62, migrante sulista, e muitos jovens, como Eliane, 13, e João Marcos, 15. Para a vice-diretora da escola, Ana Cristina Azevedo da Silva, 34 anos, “os alunos amam mesmo o festival, e pensavam: será que vão vir esse ano?”. Segundo Ana Cristina, “quando estão em aula, os alunos fazem trabalhos sobre os filmes que viram, e o festival mobiliza a comunidade.”

A sessão ocorreu no dia 22 de dezembro, 23 anos depois do assassinato de Chico Mendes. Fernanda Kopanakis, organizadora do festival, afirmou: ” Chico Mendes deixa uma mensagem: a gente só vai viver se manter a floresta e as árvores em pé, precisamos sobreviver com a floresta, com menos violência no campo e menos devastação.”

Nova Califórnia é a sede do projeto RECA (Reflorestamento Econômico Consorciado e Adensado), que auxilia os extrativistas a coletar frutos da floresta e industrializa-los. Vários integrantes estavam presentes, e se emocionaram com a projeção do filme Soldados da Borracha. Alguns extrativistas alegam que, com a violência no campo em razão do conflito fundiário, muitos não estão podendo coletar castanhas durante a época da chuva, agora. E outros, como Antonio Saturnino Silva, comentou, emocionado: “era assim mesmo a nossa vida no seringal, era muito triste”, diz.

O Festcineamazônia® Itinerante tem o patrocínio da Oi, BNDES, Governo Federal, Ministério da Cultura através da Lei Rouanet, Secretaria do Audiovisual, apoio cultural Oi Futuro, Funarte, Prefeitura do Municipio de Porto Velho através da SEMED e Fundação Iaripuna, Governo do Estado de Rondonia – SECEL e SEDUC.

Previous FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE EM VISTA ALEGRE DO ABUNÃ
Next EXTREMA

Você também pode gostar

FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE É DOCUMENTADO POR UM DOS GRANDES FOTÓGRAFOS DA HISTÓRIA DE RO

O fotógrafo e documentarista Marcos Santilli volta a Rondônia após nove anos para documentar o Festival Latino Americano de Cinema e Vídeo Ambiental – Festcineamazônia Itinerante. Além de acompanhar as

FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE COMEÇA MAIS UMA ETAPA, DESTA VEZ VISITA OS DISTRITOS DE PORTO VELHO DO EIXO DA BR-364.

O Distrito de Nova Califórnia abre a etapa da Itinerância do FESTCINEAMAZONIA nas comunidades que ficam no eixo da BR-364 sentido Rondônia- Acre. Por Eduardo Kopanakis e Rafael Vieira  

FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE CHEGA EM SAN LORENZO, NA BOLÍVIA

Bolivia e Brasil recebem projeto cultural Por Sérgio Carvalho Foto de Eder Medeiros Quase 18 horas de navegação pelo rio Guaporé, depois da apresentação na cidade Guayaramirim – BO, a