THIAGO DE MELO E MÁRCIO SOUZA NO FEST CINEAMAZÔNIA

THIAGO DE MELO E MÁRCIO SOUZA NO FEST CINEAMAZÔNIA

A abertura do Fest Cineamazônia Itinerante 2010 lotou o auditório do Espaço Cultural da Uninorte, em Manuas (AM), na noite de terça-feira (09/03). A seleção dos filmes e vídeos apresentados foi muito bem aceita pelo público. O filme Um Rio Entre Nós, do cineasta amazonense Sérgio Andrade, foi exibido como produção local convidada. O festival teve presenças ilustres como a do poeta Thiago de Mello, o escritor Marcio Souza, autor de Mad Maria, e, a historiadora Selda Valle Costa.

Também prestigiaram o Fest Cineamazônia o cineasta Sergio Andrade, Lourenzzo Allysson Gondim da Silva (assessor de comunicação dos Correios do Amazonas), o produtor Chicão Fill, além de alunos e professores da Escola Estadual Antemor Sarmento, acompanhados da diretora Shirley Maria de Souza. A próxima exibição do festival itinerante será em Boa Vista, capital de Roraima, na próxima quinta-feira (11/03). Em cada parada, a produção vem fazendo gravações de cenas para um novo documentário. Na etapa de integração internacional, o Fest Cineamazônia estará em Portugal e Porto Rico.

O Festival tem o patrocínio da Petrobras, Ministério da Cultura através da Lei Rouanet, Eletrobras e Correios, conta com o apoio cultural da Santo Antonio Energia, Prefeitura de Porto Velho, Semed e Fundação Iaripuna, Governo de Rondônia – Secel, e apoio da Bancada Federal de Rondônia, senadora Fátima Cleide, senador Valdir Raupp, deputado federal Eduardo Valverde e deputada federal Marinha Raupp.

Previous FEST CINEAMAZÔNIA 2010 COMEÇA COM ITINERÂNCIA
Next RORAIMA RECEBE FEST CINEAMAZÔNIA

Você também pode gostar

Cafetal e Laranjeiras: arte e cultura nas duas margens do Guaporé

TEXTO: ISMAEL MACHADO FOTOS: ZECA RIBEIRO EDIÇÃO: LUI MACHADO O posto militar de Cafetal, na Bolívia, faz parte da história recente do país. Foi nele que o atual presidente Evo

Ailton Krenak, militante das causas indígenas, é homenageado no Cineamazônia

Foi como se tivesse sido uma grande aula de vida. A homenagem feita pelo Cineamazônia ao militante das causas indígenas Ailton Krenak transformou-se num momento de crítica ao atual momento

Cineamazônia Itinerante faz exibição de filmes às escuras em Rio Pardo

Após percorrer 105 quilômetros que separam Jacy-Paraná de Rio Pardo, a caravana do Cineamazônia Itinerante chegou no início da tarde do domingo (13), ao distrito de Rio Pardo, que pertence