FESTCINEAMAZONIA COMEÇA MAIS UMA ETAPA DA ITINERANCIA 2014, DESTA VEZ HUMAITÁ NO AMAZONAS SERÁ O PONTO DE PARTIDA.

FESTCINEAMAZONIA COMEÇA MAIS UMA ETAPA DA ITINERANCIA 2014, DESTA VEZ HUMAITÁ NO AMAZONAS SERÁ O PONTO DE PARTIDA.

A caravana do Festcineamazonia Itinerante chega nesta quarta feira (3), a cidade de Humaitá-Amazonas, levando além de cinema, circo e muita musica, a expectativa dos organizadores é mais uma vez de casa cheia, já que no ano passado durante a passagem do festival na cidade, a orla da igreja matriz ficou completamente lotada para as apresentações.

Este ano o Festcineamazonia leva na  bagagem uma programação bastante diversificada, com curtas nacionais e internacionais, apresentação circense da palhaça Teteia, e a boa musica do cantor e compositor Acriano Rodolfo Minari, que acompanhou o festival  pelo vale do Guapore no mês passado.

As apresentações acontecem na orla da igreja matriz as 19:00 horas , e a entrada e grátis, esta será a segunda vez que o Festcineamazonia passa pela cidade, depois a itinerancia segue ainda para o Acre e Peru e encerra essa etapa do festival no dia 10 de setembro na cidade de Cobija na Bolívia.

O Festcineamazônia Itinerante tem o patrocínio do BNDES, Ministério da Cultura, Secretaria do Audiovisual Lei Rouanet, apoio cultural da Fundação Saramago,Iphan, Prefeitura Municipal de Humaitá através da Secretaria de Cultura.Parceiros de Mídia Rádio Parecis FM e Canal Brasil. O Festcineamazônia é membro do Green Film Network e Fórum dos Festivais.

Previous PORTO ROLIM-RO RECEBE O FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE
Next TAQUARI RECEBE DE BRAÇOS ABERTOS O FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE

Você também pode gostar

EM CLIMA DE ELEIÇÃO, PUERTO MALDONADO VAI AO CINEMA

Divididos entre Ollanta Humala e Keiko Fujimori, os cerca de 50 mil habitantes de Puerto Maldonado – região Madre de Dios – vivem forte expectativa diante da escolha do novo

FESTCINEAMAZONIA ITINERANTE EM PORTUGAL – CONFIRA AQUI A PROGRAMAÇÃO

Portugal recebe projeto cultural da Amazônia

FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE É REGISTRADO PELAS LENTES DO FOTÓGRAFO E CINEASTA HUBERT HAYAUD

A dislexia salvou Hubert Hayaud, 41 anos. A sentença é simplista e redutora, mas foi o ‘distúrbio’ que aproximou esse franco-canadense da fotografia. “Quando criança ia sempre muito mal nas