Frans Krajcberg

Frans Krajcberg

1921. O ano que nasceu Frans Krajcberg, este
polonês naturalizado brasileiro em 57, que escolheu o
Brasil para viver.
Frans estudou engenharia e artes na Universidade
de Leningrado e foi oficial do exército polonês durante a ll
Guerra Mundial.
Após a guerra, mudou-se para a Alemanha onde
estudou arte na Academia de Stuttgart.
1948 é o ano da imigração para o Brasil.
Vivendo entre São Paulo, Paraná e Rio de Janeiro
inicia na década de 60 suas esculturas corn troncos de
árvores mortas, observando os vestígios da mata
atlântica.
Realiza diversas viagens para a Amazônia e para o
Pantanal Mato-Grossense, fotografando e documentando
os desmatamentos, além de recolher materiais para suas
obras, como raízes e troncos calcinados.
Desde 1972 mantêm ateliê em Nova Viçosa, no
sul da Bahia, onde mora. Publica o livro A Cidade de São
Luiz do Maranhão, em 1981, com fotografias de sua
autoria e, em 1986, o livro de fotografias Natura.

Em 1998, recebe o Prêmio Multicultural Estadão,
do jornal O Estado de S. Paulo.
Em 2000, são lançados os livros Frans Krajcberg-
Revolta e Frans Krajcberg Natura.
Frans Krajcberg é um ecologista incansável que
vive a reafirmar sua paixão e luta pela natureza.

Você também pode gostar

Adrian Cowell

Adrian Cowell nasceu em 1934, na cidade de Tongshan, China. Defensor do meio ambiente, Cowell foi co- fundador da TV Educativa para o Meio Ambiente da UNESCO. Étambem conhecido pelo

Othon Bastos

Othon Bastos nasceu em Tucano, BA . No teatro de Paschol Carlos Magno fez, entre outras peças, “As três irmãs”, de Tchekhov, “Um bonde chamado desejo”, de Tenesse Williams e

Maurice Capovilla

Maurice Capovilla nasceu em Vaiinhos,SP em 1936. “Bebel, Garota-Propaganda” , realizado em 67 e “O Profeta da Fome”, de 1970 dão início a uma longa filmografia que inclui filmes como

0 Comments

Ainda não há comentários

Você pode ser o primeiro a comentar este post!