CRISTIANE TORLONI

CRISTIANE TORLONI

Do sensual ‘Ariella’, passando pelo introspectivo ‘lsmael e Adalgisa’ e enveredando no político ‘Tancredo, a travessia ‘, Christiane Torloni tem gravado o nome na história do cinema brasileiro. Nos anos 80, no cinema da abertura política, até sucessos ‘estrondosos de bilheteria como
Chico Xavier’, a atriz esteve presente. Por Si só isso bastaria para justificar a homenagem do Festcineamazônia 2013 – Festival Latino Americano de Cinema
Ambiental a Christiane Torloni. Mas a lembrança tem outros motivos também. O
nome da atriz foi escolhido como figura pública, do mundo das artes, com imagem
em prol de causas ambientais. Torloni esteve a frente do projeto “Amazônia para Sempre
que visa cobrar providências para acabar com a devastação na região O ativismo pelo
meio ambiente já lhe rendeu diversas premiações. O envolvimento em causas sociais talvez se
deva ao fato de a atriz ter começado a carreira em uma década de politização
intensa no meio cultural brasileiro. Christiane Torloni começou a carreira
impulsionada pelos pais, os também atores Monah Delacye Geraldo Matheus.
Na década de 70, mudou junto com a família de São Paulo para o Rio, onde fez testes
para novelas. Ao mesmo tempo que aos poucos foi solidificando a carreira na
teledramaturgia manteve em São Paulo os projetos de teatro. Com o diretor José Possi
Netto, produziu vários espetáculos. E o cinema também foi chegando aos poucos;
Foram mais de 12 na carreira. Para Torloni, sempre é tempo de cultura, bebê.

Você também pode gostar

Desculpe, nenhum texto foi encontrado.

0 Comments

Ainda não há comentários

Você pode ser o primeiro a comentar este post!