MARCOS PALMEIRA

MARCOS PALMEIRA

Ganhador de importantes prêmios do cinema nacional, como
dois Kikitos de Ouro do Festival de Gramado, um como
melhor ator no Filme Barrela – Escola de Crimes em 1990, e
outro como melhor ator coadjuvante por Dedé Mamata, em 1988.
Marcos Palmeira destaca-se ainda com o Troféu Candango de
Melhor Ator no Festival de Brasília em 1997, por Anahy de las
Missiones , além do Prêmio Lei Sarney de ator revelação pelo filme
Dedé Mamata e o El de Prata de melhor ator por sua participação
em Dom, no 3º Festival de Cinema de Varginha em 2004. O ator
Marcos Palmeira foi o responsável pela organização da expedição a
tribo Xavante São Pedro, em Mato Grosso, em 1980, onde recebe
o nome de Tsiwan’ (Filho Valente), 0 que renderia, 25 anos depois,
o documentário “Expedição A’Uwe – A Volta de Tsiwari”, lançando
durante o Fórum Social Mundial de 2005, onde faz um alerta sobre
a precária situação em que vivem os índios brasileiros de todas as
tribos.

Você também pode gostar

HERMANO PENNA

Desde jovem freqüentando grupos de cineastas em Salvador, em 1966 Hermano Penna agrega-se aos grupos que faziam cinema em Brasília, mudando-se para São Paulo onde se dedica a direção de

JORGE BODANZKY

Em 1964, estudante de arquitetura da UNB, partiu para a Alemanha para estudar fotografia, voltando ao país em 1968, onde participa, como fotógrafo, de vários filmes e documentários. Fotógrafo da

DIRA PAES

Atriz premiada, ganhou o Troféu Candango de Melhor Atriz Coadjuvante, no Festival de Brasília de 1997 por “Anahy de las Missiones” .Ainda como melhor atriz, recebeu em 1996, o Troféu

0 Comments

Ainda não há comentários

Você pode ser o primeiro a comentar este post!