FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE PEGA A ESTRADA ESTA SEMANA, LEVANDO CINEMA E CIRCO PARA OS DISTRITOS DE PORTO VELHO

FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE PEGA A ESTRADA ESTA SEMANA, LEVANDO CINEMA E CIRCO PARA OS DISTRITOS DE PORTO VELHO

‘Silêncio total’. O bordão usado como mote pelo ator Luiz Carlos Vasconcelos para dar vida ao Palhaço Xuxu, costuma ficar impregnado na cabeça da platéia dias depois de findo o espetáculo solo. É talvez um dos maiores termômetros indicativos do sucesso de um palhaço. Luiz Carlos Vasconcelos e seu personagem mais longevo integrarão a equipe do Festcineamazônia Itinerante 2013 que percorrerá estradas e rios rondonienses a partir do dia 21 de novembro.

A Itinerância acontecerá em 13 distritos, estendendo-se até dezembro.

A primeira etapa são os distritos que ficam no eixo da BR-364, sentido Rondônia-Acre. O primeiro local é Cujubim , no dia 21 de novembro. Nos dias seguintes a itinerância segue para Jaci Paraná, Nova Mutum, União Bandeirantes, Abunã, Fortaleza do Abunã, Vista Alegre, Extrema e Nova Califórnia, no dia 29 de novembro.

A segunda etapa da Itinerância será descendo o Baixo Madeira. O início é em São Carlos, no dia  11 de dezembro. Nos dias 12, 13 e 14 de dezembro, será a vez dos distritos de Nazaré, Demarcação e Calama.

Não é a primeira vez que Luiz Carlos Vasconcelos e o Palhaço Xuxu estreitam parceria com o Festcineamazônia. O ator já participou de edições do festival em Porto Velho e também já acompanhou a itinerância por Peru e Bolívia.

Sobre o personagem que carrega há mais de três décadas, Vasconcelos tem uma explicação filosófica. Já disse isso a respeito de seu mais querido personagem:  “Talvez, certos homens, para poder crescer, precisem se expor assim. Xuxu me acompanha desde muito tempo. Devo-lhe muito. Convivendo com ele aprendi a olhar o mundo e as pessoas com olhos mais atentos e sinceros. Aprendi também a olhar para mim, e após o primeiro susto, desatar a rir. Estou ampliado nele. Minha vaidade, por exemplo, expressão do meu egoísmo, se transforma em atitude generosa ao divertir os outros. A dimensão de um palhaço está diretamente relacionada à dimensão do real ridículo de quem o encarna. Tornar esse ridículo risível ou terno e oferecê-lo aos outros, é a missão dos palhaços. Portanto, ao olhar para o Xuxu, não tenha dúvida, somos assim mesmo”.

O Festcineamazônia  – Festival Latino Americano de Cinema Ambiental  tem o patrocínio do BNDES, Governo Federal através da Lei Rouanet, Ministério da Cultura, Secretaria do Audiovisual, apoio cultural: Sistema Fecomércio – Sesc, Centro de Formação dos Profissionais de Eduacação do Município de Porto Velho,  SEMA – Secretaria Municipal de Meio Ambiente, programa microfonia .O Festcineamazônia é membro do Green Film Network.

Você também pode gostar

Cineamazônia encanta Pedras Negras

Não tem sido fácil para a embarcação que transporta o Cineamazônia chegar a muitas das comunidades ribeirinhas para a o projeto de Itinerância. Isso porque o rio Guaporé está no

Extrema lota atividade do Cineamazônia Itine...

Após as atividades em Capixaba (AC) e Nova Califórnia, o Cineamazônia Itinerante seguiu para a maior cidade na Ponta do Abunã: Extrema, com quase 7 mil habitantes e distante cerca

Tom político e social marca abertura do Cine...

Festival rondoniense lembra aumento da violência agrária no estado em homenagem a liderança comunitária assassinada por pistoleiros A noite de abertura da edição 2016 do Cineamazônia manteve a tradição do

0 Comments

Ainda não há comentários

Você pode ser o primeiro a comentar este post!