Força Nacional participa de desocupação de terras indígenas no Pará

A Força Nacional de Segurança Pública está em São Félix do Xingu, no Pará, onde participa da desocupação da Terra Indígena Apyterewa. A operação é realizada em pareceria com a Fundação Nacional do Índio (Funai), e os ministérios da Justiça, da Defesa e do Desenvolvimento Agrário, além do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). O território é ocupação tradicional do povo Parakanã, homologado por decreto presidencial de 19 de abril de 2007.

Marcelo Camargo/ Agência Brasil

A portaria nº 496, publicada na sexta-feira (29), homologou a permanência da Força Nacional até 15 de maio para garantir a segurança das pessoas, do patrimônio e a manutenção da ordem pública.

Segundo a Funai, está sendo realizada desde 2011 a Operação Apyterewa, que busca a regularização fundiária e a expulsão da terra indígena, promovendo o pagamento de indenizações aos ocupantes de boa-fé.

Fonte: Agência Brasil
Edição: Kleber Sampaio

Previous Curta coproduzido pelo Cineamazônia é selecionado para mostra competitiva em Portugal
Next Desmatamento nos meses de fevereiro e março de 2016 aumentou 113% em relação ao ano anterior

Você também pode gostar

Expectativa de hidrelétrica aumenta ameaças a assentados

Quando cai a noite no Projeto de Assentamento (PA) Areia, a quarenta quilômetros do município de Trairão, no oeste do Pará, o silêncio é cortado pelo barulho de motos rodeando

Encontro Fazer vs. Falar discute sustentabilidade em Manaus

MANAUS – Sustentabilidade é o tema deste mês do projeto ‘Fazer vs. Falar’, ciclo de palestras realizado pela start up Livre Cultura em Manaus.

Exploração de latifundiários transforma vilarejo em campo de conflito aberto

Não é fácil chegar a União Bandeirantes. A noroeste de Rondônia, a cerca de 80 quilômetros (km) do distrito de Jaci Paraná e a 160 km do centro da capital