BAIXO MADEIRA RECEBE PROGRAMAÇÃO DO FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE 2012

BAIXO MADEIRA RECEBE PROGRAMAÇÃO DO FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE 2012

O Festcineamazônia Itinerante está no baixo Madeira com cinema e vídeo ambiental. é a etapa que leva a programação de graça para a população ribeirinha de Porto Velho como forma de integração cultural através do cinema. Além de filmes e vídeos, o Festicineamazônia leva ainda, show circense com o Palhaço Sorriso, personagem do ator Marcos Eldon.

A primeira localidade a receber a programação foi São Carlos na noite do dia 11. No domingo (12) o festival chegou a Nazaré. Nesta segunda-feira (13) será a vez dos moradores de Calama prestigiarem a programação cultural. A última apresentação nessa rota será na terça-feira (14) em Demarcação.

A cada ano o Festicineamazônia realiza a etapa itinerante como forma de divulgar o cinema nacional em comunidades sem salas de projeção. São escolhidos filmes e vídeos que participam da Mostra Competitiva do festival em Porto Velho. Produções convidadas também são inclusas na programação.

Foto: Avener Prado / FESTCINEAMAZONIA

O Festcineamazônia® Itinerante 2012 tem o patrocínio do BNDES, Governo Federal, Ministério da Cultura através da Lei Rouanet, Secretaria do Audiovisual, apoio cultural Prefeitura do Municipio de Porto Velho através da SEMED, Secretaria Municipal de Educação e Fundação Iaripuna.

Foto: Avener Prado / FESTCINEAMAZONIA

Previous PARCERIA COM UNIVERSIDADE DE COIMBRA EXIBE FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE
Next FESTCINEAMAZONIA ITINERANTE EM PORTUGAL - CONFIRA AQUI A PROGRAMAÇÃO

Você também pode gostar

Cineamazônia Itinerante passa por Santo Antônio e Versalles

Depois de 18 horas de viagem, saindo de Costa Marques, o Cineamazônia Itinerante chegou até o Quilombo de Santo Antônio, onde exibiu filmes curta metragens e aconteceu a apresentação do

FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE 2015 NAS COMUNIDADES QUILOMBOLAS DO GUAPORÉ

Ao longo do Rio Guaporé e nos locais visitados pelo FestCineAmazônia Itinerante 2015 – Vale do Guaporé durante o mês de julho, dois tem características próprias, por se tratarem de

ÉVORA – PORTUGAL APLAUDE FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE

“Cinema, se mima, se leva, se vai/ se cega, se neva, cinema, se cai/ cinema, se brinca, se trinca, não vai/ se afina, se anima, cinema, não cai”. O trecho