FESTIVAL DE ARTES INTEGRADAS- FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE LEVA A COBIJA- BOLÍVIA DUAS NOITES DE ATRAÇÕES.

FESTIVAL DE ARTES INTEGRADAS- FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE LEVA A COBIJA- BOLÍVIA DUAS NOITES DE ATRAÇÕES.

A última parada nesta etapa do Festival de Artes Integradas- Festcineamazonia Itinerante foi  em Cobija-Bolívia. Cidade boliviana que faz fronteira com o Brasil recebeu a caravana do Festival durante dois dias, Cobija é a capital do Departamento de Pando e estava em festa pelos 75 anos de fundação dessa região.

As duas noites do Festival de Artes Integradas tiveram programação intensa com a exibição de filmes, dentre eles o destaque para o documentário Suenos de La Fronteira que relata o drama de haitianos em busca de sobrevivência no Brasil, em face a devastação de seu pais natal e os desafios da passagem nas fronteiras peruanas e bolivianas. Filme dirigido numa parceria entre diretores do Brasil, Bolívia e Peru com Edinés Silva de Araujo (Brasil), Mayra Cádiz Argandoña (Bolívia), Renato Castro de Alnuido (Brasil), Patricia Perales Yabar (Peru).

Alem da exibição de filmes, o Festival contou com as atrações do palhaço boliviano Piporrin, e com a apresentação do corpo do Ballet Municipal de La Casa de Cultura/Cobija.

Durante as duas últimas noites desta etapa da itinerância do Festival de Artes Integradas todas as exibições estiveram completamente lotadas. Sucesso de público.

O Festival de Artes Integradas – Festcineamazônia Itinerante 2013 tem o patrocínio do BNDES, Governo Federal através da Lei Rouanet, Ministério da Cultura, Secretaria do Audiovisual, apoio cultural da Santo Antônio Energia

Previous FESTCINEAMAZÔNIA PASSA A FAZER PARTE DA ORGANIZAÇÃO GREEN FILM NETWORK (GFN), A REDE CINEMATOGRÁFICA COM OS FESTIVAIS AMBIENTAIS MAIS IMPORTANTES DO MUNDO.
Next PUERTO MALDONADO FOI A ULTIMA CIDADE PERUANA A RECEBER O FESTIVAL DE ARTES INTEGRADAS, NESTA ETAPA DA ITINERÂNCIA

Você também pode gostar

FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE CHEGA EM SANTO ANTÔNIO

Abandono e solidão na visita à comunidade quilombola do Vale do Guaporé Por Sérgio Carvalho Foto de Eder Medeiros     O Festcineamazônia Itinerante chegou na comunidade quilombola de Santo

FESTCINEAMAZÔNIA ITINERANTE SUBINDO O RIO GUAPORÉ CHEGA A PORTO ROLIM DE MOURA

Depois de percorrer mais de 1.400 km subindo o Rio Guaporé e visitado nove comunidades brasileiras e bolivianas, o Festcineamazônia Itinerante chega a Porto Rolim de Moura. A localidade vive

CINEAMAZÔNIA ITINERANTE NA ESTRADA

“Vocês deviam vir mais vezes aqui. Não temos quase nada para dar aos nossos jovens. Deus abençoe vocês”. Ombros arqueados, passos vagarosos, sorriso de poucos dentes, Pencha Tamayo, 68 anos,