O FILME “SOLDADOS DA BORRACHA” DO DIRETOR CESAR GARCIA LIMA,SERÁ EXIBIDO EM XAPURI- ACRE.

O FILME “SOLDADOS DA BORRACHA” DO DIRETOR CESAR GARCIA LIMA,SERÁ EXIBIDO EM XAPURI- ACRE.

O documentário narra a história de quatro seringueiros de diversas origens para mostrar a trajetória de luta dos soldados da borracha convocados para ajudar os aliados na Segunda Guerra Mundial. O que aconteceu aos seringueiros que extraíam borracha na Amazônia para ajudar os Aliados, durante a Segunda Guerra Mundial? A maioria morreu sem nenhuma assistência na própria floresta que a propaganda de guerra divulgava como paraíso. O Acre foi seu destino preferido, e é nesse cenário de luta pela preservação ecológica que os sobreviventes contam como a promessa de riqueza deu lugar ao desamparo.

Filmado em oito dias nas cidades de Rio Branco, Plácido de Castro e Xapuri, no Acre, Soldados da Borracha mostra a trajetória desses quatro ex-seringueiros de diferentes origens. Todos moram no estado que reúne mais da metade dos aposentados dessa categoria e é também a terra natal do diretor Cesar Garcia Lima.

O filme já foi exibido nos festivais Cine Las Américas (Estados Unidos), Brésil em Mouvements (França) e nas mostras Cine Mube-Vitrine (São Paulo) e Etnodoc (Rio de Janeiro).

O Festival de Artes Integradas acontece neste sábado as 19:00 horas em Seringal Cachoeira, a entrada é grátis.

O Festival de Artes Integradas-Festcineamazonia Itinerante tem o patrocínio do BNDES, Governo Federal através da Lei Rouanet, Ministério da Cultura, Secretaria do Audiovisual, apoio cultural da Santo Antônio Energia. Apoio Institucional Fundação Banco do Brasil.

Você também pode gostar

CIRCO E CINEMA FAZEM A ALEGRIA DA CRIANÇADA

FESTCINEAMAZONIA ITINERANTE chega em Vila Jirau Por Sérgio Carvalho com Fotos de Talita Oliveira   A estrutura para exibição foi montada em um terreno nas margens da rodovia, em frente

CINEMA BANDEIRANTE

os primeiros anos, não havia luz elétrica e as apresentações da itinerância do Festcineamazonia em União Bandeirantes deveriam ser feitas da mesma forma como ocorreu nessa semana na comunidade do

Cafetal e Laranjeiras: arte e cultura nas dua...

TEXTO: ISMAEL MACHADO FOTOS: ZECA RIBEIRO EDIÇÃO: LUI MACHADO O posto militar de Cafetal, na Bolívia, faz parte da história recente do país. Foi nele que o atual presidente Evo

0 Comments

Ainda não há comentários

Você pode ser o primeiro a comentar este post!